3 de março de 2013

10º ARTIGO - OBREIRAS EM FOCO


10 – Acolhendo as novas obreiras



Sou nova na obra de Deus como obreira, e às vezes sinto resistência da parte de alguns obreiros no modo de tratamento comigo e com ou outros novos. Nos olham de maneira diferente, se perguntamos algo eles respondem de qualquer maneira, sabe?! Às vezes precisamos pedir algo para eles, ou ate dar algum recado e eles agem com desprezo, como se não tivesse importância.”

Hoje vamos falar sobre como os obreiros antigos recebem e tratam os novos.
Como toda a atitude tem um motivo por detrás, então vamos meditar o que pode provocar esse tipo de comportamento, que realmente não é bonito nem agradável, afinal de contas todas um dia foram novas obreiras e com certeza não gostariam de receber esse tipo de tratamento que lemos acima.
Qual é a raiz que leva uma obreira antiga a desprezar ou “não” aceitar a nova, tratando-a com indiferença?
Pode ser ciúme, insegurança ou até mesmo orgulho, é isso mesmo.
Ciúme de ver que estão entrando novas servas e que ela talvez não vai ser mais o centro das atenções;
Insegurança, pois começa a pensar que outra pode tomar as suas responsabilidades e tem medo de perder.
Ou por ultimo orgulho, você sente que alguém está invadindo “seu” espaço, crê que é melhor ou superior, que sabe mais, que a nova não se pode comparar a você, e que não merece estar ali.
Isso é falta de consideração com o Espirito Santo, pois se Ele escolheu quem é você para não aceitar, desprezar ou tratar mal?
Pelo contrario, se você é uma mulher espiritual, você vai dar as boas vindas à nova obreira, vai ensiná-la, apoiá-la e fazer com que ela se sinta querida e amada, pois é um prazer quando vemos o exercito de Deus crescer, é uma alegria quando alguém é abençoado, esse é o espirito que todas devem ter, pois esse é o Espirito de Deus.
Tarefa: Amigas, vocês vão rever suas atitudes em relação às novas obreiras. A partir de agora você vai se aproximar daquelas que têm pouco tempo servindo a Deus e vai recepcioná-las com amabilidade. Mostre o amor de Deus a ela, se coloque à disposição para ajudá-las e ensiná-las, ademais agarre o nome delas para orar e escreva aqui nos comentários “Eu estou orando pela obreira “y””.
É isso que elas esperam de você e é isso que você deve dar a elas. Essas obreiras a verão como uma mãe espiritual e nunca mais vão esquecer de você, talvez amanhã ela poderá ser a esposa de pastor da sua igreja, nunca se sabe.
Fico aguardando, gostaria que todas fizessem a tarefa, vamos na fé.

Tânia Rubim - Blog


7 comentários:

  1. Rode de Almeida Lima4 de março de 2013 17:04

    Obreira Rode, sou de Belém do Pará.
    Isso aconteceu comigo, essa indiferença ... mas eu já sabia que isso poderia acontecer, o que eu fiz , olhei pra Jesus o meu Salvador,ñ sujei meu coração e entreguei tudo pro dono da obra o Espirito Santo! Hoje graças a misericordia de Deus continuo firme, já varias dessas obreiras ñ estão mais no nosso meio, porque no fundo estavam mal essa que é a vedade, quando estamos bem, tratamos qualquer pessoa bem. Meu conselho olhe pra Jesus , cuide da sua salvação se preocupe em agradar o Dono da Obra , ou seja faça a sua perte , porque o Espirito Santo cuidará de Voçe!

    ResponderExcluir
  2. Eu também sofri grande decepção quando fui levantada como obreira, ao invés do que esperava receber como abraços e boas vindas (pois se tratam de pessoas ungidas de Deus e seria implicito que todos tivessem o amor de Jesus), ao entrar no corpo de obreiros fui recebida com olhares tortos e pouco caso. Mas houve exceção, uma obreira sempre me chamava pra perto dela e me ensinava com carinho o que eu precisava saber, minhas amigas de fé que se alegraram comigo e junto com a ajuda do Pastor auxiliar, eles foram me moldando como uma serva de Deus, e esse auxílio foi maravilhoso pra mim, pois por outro lado recebi grande desprezo por obreiras que eu tinha como exemplo e se não fosse pelo encontro verdadeiro que tive com o Senhor Jesus eu seria mais uma afastada. Por que esse descaso por um irmão da fé é muito dolorido mas é o Espírito Santo nos sustenta. O segredo é seguir o alvo: O NOME DO SENHOR JESUS.

    ResponderExcluir
  3. Sou Obreira há 01 mês e meio e senti isso por parte de várias obreiras aqui em Cuiabá-MT, porém outras me recepcionaram super bem, mas eu sabia que isso poderia acontecer, quando lidamos com pessoas pois nem todos tem uma mesma visão das pessoas... Eu não espero nada das pessoas, espero somente no meu Senhor pois Ele nunca decepcionou, nunca falhou ou falhara...Estou na Obra para fazer a vontade de Deus e agradá-lo, só olhar para Cristo é o que tenho feito e busco o Espírito Santo para me dirigir e colocar obreiras para me ajudar quando não sei ou tenho dúvidas e eu tenho vencido e vou até o fim... Glórias ao Meu Senhor!!!

    ResponderExcluir
  4. eu tambem ao entra na obra não tive apoio de obreiras que ja estvam a tempo, mais comercei a me da mais e mais ate q comerçou fofocas q o pastor so mandava eu fazer as coisa.não liguei para isto hoje neste mês de março fiz 2 anos de obra,elas não me olham mais assim pois viram q eu não estava ali para me aparecer.Agora recente foi levantada uma obreira na minha igreja e vou fazer difernte do q fizeram comigo ja peguei o nome dela para me ora e nesta semana vou fazer um jejum por ela nome dela é Luciana.

    ResponderExcluir
  5. eu estou orando pela obreira rafaela borges
    lorena nascimento

    ResponderExcluir
  6. Eu passei isto no inicio do meu ministério, mais não olhei para a situação ainda mesmo depois de sete anos as indiferenças existem por parte do corpo de obreiro algo que não poderia acontecer já tive experiências com obreiras novas que tiveram muito a me ensinar estes dia mesmo uma obreira anciã imagina disse que precisava de uma orientação minha, temos que ter a humildade de Espírito. Temos sempre aprender uns com os outros porque a sabedoria vem do alto não importa o tempo nem a idade.

    ResponderExcluir
  7. Realmente isso acontece ,no meu primeiro dia ,fui recebida aos gritos ,mas não deixei sujar meu coração e meus olhos procurei usar a sabedoria tentando não invadir o espaço fui me encaixando de vagar, e sabemos que a obra é do Espirito Santo,orei por todas elas,fui fazendo o melhor para o Senhor Jesus porque é ele que nos coloca na obra e hoje elas contam comigo pra tudo na obra de Deus e eu tenho prazer em ajuda- las.Peço a você que olhe somente para O senhor Jesus e ele mostrará as outras obreiras que você é de Deus. Deus a abençoe!

    ResponderExcluir

ShareThis